segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Todos ao Engenhão sábado

Confesso que não sou um torcedor de arquibancada. A última vez que vi um jogo do Botafogo num estádio, sem contar o jogo aqui em Campos esse ano pelo Carioca, foi na final do Carioca de 2006, contra o Madureira, no Maracanã. Fico muito nervoso nos jogos e prefiro ver o jogo na tranquilidade de casa, em frente à tv. Sem contar que é caro ter de viajar para acompanhar o time. Meu salário dá muito mal para pagar as contas. Sou um dos fundadores da Fúria em Campos, mas hoje sou casado, tenho uma filha prá criar e passei da fase da zoação.

Escrevi isso tudo para dizer que estou com vontade de ir nesse jogo de sábado contra o Galo, nosso freguês. Isso mostra que o Engenhão deve estar lotado sábado. Eu posso dizer que sou um termômetro, assim como meu pai, que também está animado. Ainda não conhecemos o Engenhão. E seria uma ótima oportunidade. A reestreia de Maicosuel em casa. A volta de Loco. O problema é a grana. Meu pai não gostar de viajar com torcida. Teríamos de ir em ônibus de carreira. A passagem para o Rio está sessenta e pouco. Precisaríamos de, pelo menos, uns R$ 500,00 para passagem de ida e volta, ingressos e lanche.

Outro fator que pode atrapalhar nossas pretenções é que sexta-feira é feriado em Campos, dia do padroeiro da cidade, e, talvez, eu tenha de trabalhar na Festa do Santíssimo Salvador. Mas o problema maior é a falta de grana. Afinal, com dinheiro a gente dá um jeito. De qualquer forma, manifesto aqui a minha vontade de ir ao jogo contra o Atlético para conhecer o Engenhão, que sábado promete acabar com a fama de vazião.

Tenho "inveja" do Leonardo Moraes, do Blog Alvinegro Glorioso, que sempre vai aos jogos e treinos. A vantagem é que ele mora no Rio. Quando eu morava em Niterói não perdia um jogo. Tudo bem que foi em 2002. No ano do rebaixamento. Mas não venham me dizer que tenho fama de pé frio. Pois não fui em nenhum jogo em que fomos vice do Flamengo. Conheço uma pessoa que foi em 2007, 2008 e 2009 e não foi em 2010. Quer pior do que isso? Sepé, você sabe de quem estou falando. Aliás, você anda sumido. Vê se aparece. E deixe seu post aqui. Afinal, você é um dos colaboradores do blog. Aproveita que a fase tá ficando boa. Saímos de oito jogos sem vencer para cinco jogos sem perder. Êta! Assim é o futebol.

6 comentários:

  1. Estou na mesma situação que você, camarada: muita vontade de ir, mas sem o "faz-me rir".
    O jeito vai ser assistir mais uma partida pela televisão.

    ResponderExcluir
  2. Iatha, vamos juntar um dia os blogueiros do Estrela Solitária para uma excursão ao Engenhão. Tenho vontade de ver um jogo contra o Palmeiras, outro freguês recente nosso, ou contra o Inter, no segundo turno.

    ResponderExcluir
  3. Acho a idéia válida, mas só poderei ir no 2º turno.

    ResponderExcluir
  4. Combinado. Nos falamos mais prá perto.

    ResponderExcluir
  5. R$ 500,00 para ir ao jogo no Engenhão? Nos meus cálculos, as despesas ficam em torno de R$ 200,00 contos! E para melhorar, compro as passagens no cartão de crédito e o ingresso nas mãos de cambistas saem por até 30 contos! :) Vamos???

    ResponderExcluir
  6. 200 reais por cabeça, né, Sepé? De qualquer forma, não dá. Você sabe. Salário de peão é igual a menstruação. Não dura mais do que quatro dias e quando atrasa dá a maior dor de cabeça.

    ResponderExcluir